Guia Manhuaçu

Geral

19/03/2020

Manhuaçu, Matipó, Manhumirim, Ipanema e Durandé somam 16 casos suspeitos de covid-19

REDAÇÃO DO PORTAL CAPARAÓ - Manhuaçu divulgou nove casos suspeitos de coronavírus, segundo boletim epidemiológico da noite desta quarta-feira, 18/03. Manhumirim divulgou que investiga três casos, Durandé dois casos, Matipó e Ipanema registraram um caso suspeito cada.

MANHUAÇU

O boletim epidemiológico de Manhuaçu passou a resumir os casos em número e não descreve mais o histórico dos pacientes investigados.

A demora em obter resultados confirmando ou descartando os casos é causada pela Fundação Ezequiel Dias (Funed). Ainda não houve retorno sobre os exames coletados dos pacientes de Manhuaçu, o que tem gerado apreensão e cobranças por parte da população.

Em Nota de Esclarecimento, a Secretaria de Saúde de Manhuaçu informou que "amostras biológicas coletadas dos casos suspeitos foram enviadas à Fundação Ezequiel Dias (Funed), que é atualmente o órgão responsável pela realização do exame para identificação do Covid-19.

Infelizmente, a demora para divulgar os resultados (confirmando ou descartando) os casos suspeitos tem gerado cobranças e questionamentos por parte da população de Manhuaçu.

Informamos que cabe à Secretaria de Estado de Saúde divulgar os resultados e a Administração de Manhuaçu não tem poder sobre isso.

Até a presente data, 18/03, não chegou nenhum resultado dos exames coletados com pacientes de Manhuaçu.

Sabemos das dificuldades do Estado. Ressaltamos que a demanda e prioridade das análises tem sido muito grande em toda Minas Gerais, portanto pedimos a compreensão da comunidade de Manhuaçu.

Ao mesmo tempo, independente de resultados, é preciso adotar as medidas preventivas divulgadas amplamente pela Secretaria de Saúde.

A Administração de Manhuaçu tem feito todos os esforços para conter a circulação do vírus e atuado para enfrentar o coronavírus.

Precisamos do apoio e participação de todos para superarmos mais esse momento difícil que afeta todo o mundo!", conclui a nota.

MATIPÓ

Em vídeo, na página oficial da Prefeitura de Matipó, foi informado que um caso suspeito está sendo investigado no município.

DURANDÉ

Já a Administração de Durandé divulgou boletim epidemiológico na noite de quarta, 18/03, em que relata dois casos suspeitos sendo investigados. Os pacientes estão sendo mantidos em isolamento domiciliar.

MANHUMIRIM

Em Manhumirim, o boletim divulgado na noite de quarta, informa três casos suspeitos sendo investigados.

O primeiro é um paciente residente no município de São Paulo, sem histórico de viagem ao exterior, histórico de internação no hospital central Sorocabano (SP) em 11/03, em trânsito pelo município de Manhumirim-MG. Data dos Primeiros sintomas em 01/03, internada no Hospital Padre Júlio Maria (HPJM) 13/03 com sintomas de COVID-19. Realizado coleta de material para análise no dia 13 e foi encaminhado para a FUNED.

O segundo caso é de um paciente residente no município de Manhumirim, com histórico de viagem ao exterior no dia 06/03/2020. Os sintomas iniciaram-se no dia 15/03, posteriormente deu entrada no HPJM com sintomas que sugere COVID-19 no dia 17/03. Realizado coleta de material para análise no dia 18 e foi encaminhado para a FUNED.

O terceiro caso é de paciente residente no município de Manhumirim, sem histórico de viagem ao exterior mas realizou viagem ao município do Rio de Janeiro (município com transmissão comunitária) no dia 29/02. Os sintomas iniciaram-se no dia 08/03, deu entrada no HPJM no dia 17. Realizado coleta de material para análise no dia 18 e encaminhado para a FUNED.

IPANEMA

O registro de Ipanema é de um paciente de 31 anos, o ajudante de motorista, residente na cidade de Itaperuna-RJ, procurou o primeiro atendimento na Unidade de Estratégia de Saúde da Família, sendo o mesmo encaminhado ao PAM.

Foram solicitados exames laboratoriais e após o resultado dos mesmos e a melhora no estado clínico foi orientado a ficar em isolamento domiciliar em sua residência na cidade de Itaperuna-RJ.

Redação do Portal Caparaó, Portal Manhumirim e Portal Simonésia - Whatsapp 33 999 509 609