Guia Manhuaçu

Polícia

05/03/2018

Acusado de matar esposa no ES pode estar na região

VILA VELHA (ES) - Na semana da mulher, mais um crime bárbaro é registrado. A vítima é a jovem Andrielly Mendonça Pereira dos Santos, de 20 anos, foi morta com um fio de carregador de celular no pescoço na madrugada deste domingo (04), na Rua Castro Alves, do bairro Planalto, em Vila Velha (ES).

O suspeito de cometer o crime é o companheiro dela, Rubens de Almeida Dias Júnior, 23 anos. Ele está foragido e pode ter se escondido em Pocrane, Mutum ou Brejetuba. O corpo de Andrielly foi encontrado no quarto da filha dela, uma menina de 3 anos.

O CRIME

No caso de Andrielly, segundo vizinhos que moram no mesmo prédio, o casal costumava brigar e morava havia três meses no local.

Na madrugada, moradores do prédio acordaram por volta da ih da madrugada, ouvindo pancadas. Mas como o barulho era muito alto, acharam que alguém tivesse caído da laje.

Sem saber o nome das pessoas que viviam no apartamento, os moradores começaram a gritar 'vizinho, vizinho', mas ninguém respondia. Em seguida, eles viram o suspeito de cometer o crime saindo da casa com a menina de 3 anos, que é enteada dele. Ele teria saído de carro. Nesse momento, os moradores tentaram correr atrás do Rubens, mas não conseguiram alcançá-lo.

"Ele saiu acelerando o veículo e levando a criança no banco da frente do carro. Como não vimos a mãe da menina, começamos a pensar que ela deveria estar dentro da casa ainda", contou um vizinho. Depois de ver o homem ir embora, o vizinho chamou a polícia. Ele bateu na porta da casa da jovem, mas ninguém atendeu. Por uma janela, este morador conseguiu ver o corpo da jovem caído ao lado da cama no quarto da filha dela”.

Outra vizinha ouviu a briga do casal antes do crime acontecer e viu quando o acusado foi até a janela do quarto da criança, olhou para ver se tinha alguém vendo a cena e fugiu. "Eles discutiam bastante. O casal passou algum tempo fora de casa e retornou havia cerca de uma semana para a casa", disse.

De acordo com a polícia, a causa da morte da Andrielly foi esgorjamento, ou seja, corte do pescoço.

Gazeta Online