Guia Manhuaçu

Polícia

30/01/2018

Jovem do bairro Santa Luzia é encontrado morto com tiro na nuca em lavoura de café

MANHUAÇU (MG) - Foi encontrado no final da manhã desta terça-feira, 30/01, o corpo do jovem Robert da Silva Alves, conhecido como “Dentinho”, 27 anos, morador do Bairro Santa Luzia, Manhuaçu. Ele estava desaparecido desde a quinta-feira e foi localizado morto com um tiro na nuca.

De acordo com o Tenente Robson, da Polícia Militar de Manhuaçu, na manhã desta terça=feira, a PM recebeu a denúncia de um corpo numa lavoura no alto do bairro Matinha. “Fomos ao local e confirmamos que era o corpo do rapaz conhecido como Dentinho. Familiares estiveram lá e fizeram o reconhecimento. A PM continua fazendo levantamentos agora para identificar os autores do homicídio”, detalha.

O policial contou que foi identificada uma perfuração na nuca provocada por disparo de arma de fogo e, ao lado do corpo, a perícia encontrou uma tiara. “Isso indica que a criança estava próximo ao pai e teria presenciado esse crime”, lamentou o Tenente Robson.

Segundo ele, a PM irá continuar os levantamentos e tem algumas informações sobre suspeitos. “Pedimos à população que nos ajude, passando denúncias e informações para a polícia no 190 ou no 181 ou até mesmo procure um policial que você tenha confiança”.

DESAPARECIMENTO

Na sexta-feira, o cunhado do rapaz recebeu uma ligação dando conta de que Dentinho havia sido assassinado, mas o telefonema não informava o local da suposta morte e nem detalhes do que teria acontecido.

Policiais militares realizaram rastreamento e levantamentos na região do bairro Santa Luzia e nas áreas de mata e plantações nos bairros próximos. Nada havia sido encontrado.

A ex-companheira disse que Robert havia saído com a filha por volta das 21:00 horas e não retornou. A criança foi encontrada na rua Bras Marques, bairro Santa Luzia, sozinha e levada a sua residência por um individuo.

A menina chegou com a roupa suja de marcas de sangue e de terra. Ela teria sido levada de táxi por uma mulher.

Policiais militares fizeram vários levantamentos, inclusive sobre a ligação telefônica, mas não houve grandes avanços ainda.

Nesta segunda, nas redes sociais, foram divulgadas fotos de Dentinho como desaparecido, pedindo informações e passando o telefone de contato de familiares. Agora, o caso é tratado como homicídio.

Carlos Henrique Cruz – Portal Simonésia